A Galeria Nacional em Praga

16. 6. 2014

Conheça as maiores coleções da arte da República Tcheca!

Conhecer a Galeria Nacional em Praga exige muito tempo e muita energia mas pode trazer umas experiências fantásticas para você! As exposições estão divididas segundo os períodos históricos e segundo os diferentes gêneros artísticos. Além disso, você conhecerá assim a variedade de destacados edifícios, mosteiros e palácios de Praga.

A fundação da Galeria Nacional

A história da Galeria Nacional começou a decorrer em fevereiro de 1796 quando foi fundada a Associação Patriótica dos Amigos da Arte em Praga. Da sua fundação participaram as famílias nobres Kolowrat, Šternberk, Nostiz e os burgueses iluministas. A associação fundou mais tarde duas instituições importantes: a Academia da Arte e a primeira pinacoteca pública em Praga.

Hoje a Galeria Nacional cuida da variedade de exposições permanentes e organiza muitas exposições e eventos culturais.

Onde é que você encontrará as exposições principais de Praga?

  • No palácio Šternberský palác no bairro Hradčany – você verá aqui as coleções da arte europeia desde a antiga até o barroco. Conta com obras de Tintoretto, Ribero, El Greco, Rubens, van Dyck ou Rembrandt e também com uma das obras mais famosas do mundo, A Festa do Rosário de Albrecht Dürer.
  • No mosteiro Anežský klášter na Cidade Velha você verá a exposição da arte medieval e de renascença inicial da Boêmia e da Europa Central. Foi o primeiro mosteiro das clarissas na Boêmia, fundado provavelmente em 1231 pela princesa Inês da Boêmia. Você pode ver aqui as preciosas pinturas sobre placas do Mestre Thedoricus e também o quadro da Nossa Senhora com o filho de Lucas Cranach mais velho.
  • Os interiores do palácio Schwarzenberský palác na praça Hradčanské náměstí oferece a arte barroca, por exemplo os quadros de Hans von Aachen, Karel Škréta, Petr Brandl e Jan Kupecký. Visite também o gabinete gráfico que cuida da coleção única de obras de Václav Hollar e também a exposição da artesanato barroco das coleções do Museu de Arte Industrial.
  • O Palácio de Feiras - Veletržní palác, que era o primeiro edifício funcionalista em Praga da época, é o lugar em que se apresentou pela primeira vez a famosa Epopeia Eslava do pintor de Arte Nouveau Alfons Mucha, em 1928. A Epopeia está exposta aqui agora também. Além dela, você pode ver pinturas, esculturas e artesanato dos autores tchecos e estrangeiros dos séculos XX e XXI. Você encontrará aqui as obras de impressionistas franceses, de Gustav Klimt, Oskar Kokoschka, Edvard Munch, Egon Schiele ou Joan Miró.
  • A arte da Ásia e do Mediterrâneo antigo fica na Praça da Cidade Velha, no palácio palác Kinských que é o mais bonito edifício rococó de Praga.

…e duas exposições fora de Praga

A Galeria Nacional preparou também duas exposições fora de Praga. No palácio de Žďár nad Sázavou há coleções da arte barroca, em Karviná e no palácio Fryštát há arte tcheca do século XIX.

As exposições temporais são organizadas pela Galeria Nacional como eventos que acompanham as exposições permanentes e também costumam estar localizadas em Valdštejnská jízdárna em Malá Strana. Jízdárna fica no jardim de um palácio de barroco inicial que os arquitetos italianos, Andrea Spezzo e Nicolo Sebregondi, construíram para Albrecht z Valdštejna.

Favoritos