O Castelo de Praga

16. 6. 2014

Passeiem através dos séculos no Castelo de Praga!

Qual é o maior castelo do mundo? É o de Praga! Vocês podem passear nos seus pátios, palácios, museus e jardins durante o dia inteiro e admirar a beleza surpreendente da história milenar do trono dos reis, imperadores e presidentes tchecos. Em toda área domina a monumental catedral gótica de São Vito, que pertence às mais belas da Europa. Descubram o segredo do símbolo da República Tcheca e os lugares que fazem de Praga uma das mais lindas cidades do mundo.

Um lugar onde o tempo parou

A mais significativa construção do Castelo de Praga é a Catedral de Sao Vito. Quando se entra nela, encontra-se um lugar, onde literalmente o tempo parou. O interior maravilhosamente decorado criado por mestres medievais é perfeitamente iluminado pelos raios do sol, que entram pelos deslumbrantes vitrais. Olhem principalmente os vitrais do mais importante pintor de art nouveau tcheco Alfons Mucha. Também fazem parte da catedral significativos túmulos com as relíquias dos santos e reis tchecos. Podem também ver a sepultura de São Wenceslau – o patrono da terra tcheca, São João Nepomuceno, assim como também a dos imperadores Carlos IV e Rodolfo II. Não deixem de ver o impressionante mosaico do Juízo Final por cima do Portão de ouro e a subida para a torre principal, a qual oferece uma das mais lindas visões de Praga dos cem pináculos.

Casinhas como de um conto de fada

A visita ao Castelo de Praga não seria completa sem um passeio pela Zlatá ulička (Ruazinha de ouro). Esta rua pequenina adjacente aos muros do castelo vai lhes impressionar absolutamente com seu ar pitoresco. As casinhas minúsculas coloridas foram habitadas, segundo a lenda, por alquimistas que trabalhavam para o imperador Rodolfo II, o qual desejava descobrir assim o mítico elixir da juventude, como a Pedra filosofal. Não se esqueçam de olhar principalmente a casa número 22, onde se cresceu o mundialmente conhecido escritor praguense Franz Kafka.

Gótico, barroco, renascença

A visita ao Castelo de Praga é como um passeio no livro de arquitetura. Durante algumas horas assim podem visitar a basílica romana de São Jorge com os interiores místicos, o Palácio Real gótico, os extensos pátios barrocos, a vila renascentista de rainha Anna, mas também a estufa super moderna nos jardins reais. O Castelo de Praga simplesmente guarda algo para todos. Basta só entrar e deixar se levar pela história de um dos mais importantes monumentos da República Tcheca.

Tizian e Barbie por baixo de um telhado

Os verdadeiros tesouros também estão escondidos dentro do Castelo de Praga. Podem escolher entre vários museus e exposições, que acontecem durante o ano inteiro. Querem ver com os seus próprios olhos as obras dos mestres como Tizian ou Rubens? Então visitem a Galeria do Castelo de Praga. Se trouxeram os seus filhos, não se esqueçam de lhes agradar com a visita ao Museu dos brinquedos. Podem terminar a visita do Castelo de Praga em um dos seus maravilhosos jardins, passar pelo Jelení příkop (Fosso do Cervo) ou ir ate ao Nový svět (Novo mundo), um bairro encantador perto da Praça de Loreta, onde nas casinhas coloridas há ateliers de importantes artistas praguenses.

Favoritos