A arquitetura de J. Plečnik

Church of the Most Sacred Heart of Our Lord
20. 4. 2014

A personagem excepcional na época excepcional – o arquiteto do Castelo de Praga Jože Plečnik

Depois da formação da Tchecoslováquia independente em 1918, o Castelo de Praga foi convertido na residência do presidente. O primeiro presidente, Tomáš Garrigue Masaryk, delegou ao arquiteto esloveniano e urbanista Jožo Plečnik (1872 – 1957) pelas modificações do conjunto do castelo. Ele depois desempenhou a função do arquiteto do Castelo de Praga até 1934.

O arquiteto do Presidente

“Deste castelo e dos seus arredores podia nascer um imenso monumento histórico e eu não conheço ninguém quem o pudesse fazer além do senhor“, escreveu Masaryk a Plečnik que naquela época ensinou na Escola Superior de Artes Industriais como o professor da arquitetura decorativa. A colaboração deles resultou na variedade de modificações dos interiores e exteriores do Castelo de Praga. Entre as obras de Plečnik estão: a Sala de Colunas com teto de cobre à entrada na Sala Espanhola, a Escada de Touros que liga os jardins meridionais com o terceiro pátio ou o obelisco de granito que mede 18 metros e fica instalado junto à catedral de São Vito. Plečnik arranjou também, com o sentido excepcional para ligar o antigo com o novo num conjunto harmônico, o círculo dos jardins em torno do Castelo, o apartamento do Presidente e a residência estival em Lány.

A igreja como um barco

Plečnik era um homem de muita fé; talvez por isso as obras sagradas são as suas melhores obras. A obra digna de admiração é a Igreja do Santíssimo Coração do Senhor no bairro de Vinohrady, sendo a igreja moderna mais bela Praga, que lembra as obras místicas do Egypto pré-histórico. O campanário amplo de 42 metros de altura com cúpula de cobre e cruz destaca no panorama de Praga já vista desde o Castelo de Praga.

O estilo de Plečnik é notável também no interior original do templo cuja ideia básica foi a Arca de Noé. Acima do altar principal de mármore branca de Šumava levita a figura dourada de Cristo no coração simbólico, completada por seis santos tchecos. Original é também a plataforma branca que sobe acima pelo campanário.

Favoritos